FESTIVAL - MÚSICA

Sonora Chapecó Festival Internacional de Compositoras acontece neste final de semana

Gratuito, acessível e totalmente autoral, o encontro oferece oficinas de profissionalização e oito shows à comunidade

Foto: Divulgação

O Sonora Chapecó Festival Internacional de Compositoras acontece neste final de semana, 08 e 09/11, com entrada gratuita e uma extensa programação para todos os gostos musicais. O encontro é um movimento coletivo considerado o maior festival de compositoras do mundo; acontece em 70 municípios de 16 países, e objetiva principalmente mostrar o trabalho autoral das mulheres na música local.

De acordo com Joana Golin, produtora executiva do projeto, o festival é um encontro que fortalece a música local. "Nós queremos com esse bonito encontro evidenciar as compositoras locais e mostrar que existe sim muitos trabalhos autorais sendo desenvolvidos por mulheres aqui em Chapecó. O Sonora é um encontro e um espaço que acolhe essa produção e oportuniza que a comunidade conheça o trabalho das artistas da nossa cidade".

Contemplada pelo Edital de Fomento e Circulação das Linguagens Artísticas, a programação inclui dois dias de atividades. Na sexta, 08/11, a partir das 14 horas, no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes, Rua Assis Brasil, 20D, acontecem oficinas de formação e bate-papo com artistas de diferentes épocas e trabalhos, sobre a produção das mulheres na música em Chapecó. A intenção é oportunizar espaço para a profissionalização e estimular a produção local.

"Na maioria das vezes a mulher fica encarregada de inúmeras funções pessoais, profissionais e sociais, com uma rotina turbulenta e desgastante socialmente, quer estudar música, mas não tem tempo nem condições econômicas. O Sonora veio para preencher essa lacuna e oportunizar esse momento de formação gratuita, democratizar o acesso à música, fazendo com que aconteça também no interior do estado e fomentar a construção do conhecimento estimulando as produções individuais e coletivas", explica Carla Melo, produtora do projeto.

As atividades iniciam com Talita Falcão, de Chapecó, que ministrará oficina com instrumentos de sopros de povos tradicionais como o didgeridoo - instrumento originário dos povos aborígenes australianos e o pífano - flauta transversal de origem popular, tradicional nas regiões do Nordeste do Brasil. A segunda oficina será de canto com Marissol Mwaba, de Florianópolis, e irá trabalhar técnicas vocais. As duas oficinas são gratuitas, com vagas limitadas e ainda estão com inscrições abertas. Interessadas podem inscrever-se nesse link:

https://docs.google.com/forms/u/2/d/1_ypKfhW4YCmy9AJjv8PuI3xw1EP2yclEz-_QiyyQZBQ/edit .

Já no sábado, 09/11, a partir das 18 horas, na Reserva do Ser Eco Hostel, na Rua João Goulart, 1485D, Bairro Esplanada, sobem ao palco outras atrações musicais, com trabalhos autorais. Os shows mostram diferentes pesquisas musicais locais que passam pelo gospel, sertanejo, folk e música popular brasileira, garantindo a diversidade cultural do encontro. Além das atrações da cidade duas artistas nacionais sobem ao palco do Sonora, Valeska Torres, do Rio de Janeiro e Marissol Mwaba, de Florianópolis. A entrada é gratuita e junto aos shows também acontece uma feirinha com expositoras locais mostrando o seu trabalho e seus produtos, uma forma de incentivar a economia local desenvolvida por mulheres.

Acessibilidade

O evento é acessível e também destinado ao público surdo. A programação do sábado 09/11 conta com tradução simultânea em Libras - Língua Brasileira de Sinais. "Nós pensamos o sonora enquanto um festival democrático, não somente pela gratuidade de todas as atrações, mas também por entender que todos os públicos devem ser beneficiados com as ações culturais", enfatiza Joana.

Logística

Para trazer novos públicos e incentivar a comunidade a prestigiar o evento, uma van estará disponível às 17h45, saindo da Praça Coronel Bertaso, no Centro, com destino ao festival. O transporte será gratuito.


Imagens



Rua dos Lírios, 90D – esquina com Agáveas - Primeiro andar
89809-716 – Grande Efapi – Chapecó - SC
Telefone: 55 (49) 3329-9344